O "Day After" chegou

Publicado em 29 outubro 2014

10 comentários

O disputado pleito eleitoral que acaba de terminar apontou, como a vontade majoritária da nação, a recondução do atual governo para um novo mandato presidencial de quatro anos. A circunstância de tratar-se de uma reeleição pode ajudar na simplificação e na antecipação do ritual de transição, pelo menos no que concerne a algumas providências estratégicas e mais urgentes. Parece-me muito interessante que essa possibilidade seja bem explorada, já de imediato, no que diz respeito à recomposição da nossa economia. Para esse propósito, o "day after" eleitoral já chegou, sem que seja preciso esperar a virada do ano e o dia do início formal do novo mandato presidencial.

Entendo que, quanto mais rapidamente for alcançado o pretendido estágio de equilíbrio econômico capaz de garantir a retomada do crescimento, a atração de investimentos, o controle mais efetivo da inflação e a manutenção do pleno emprego, melhor será para toda a nação. Além disso, quanto mais rapidamente forem ativadas as primeiras providências para essa recomposição, maior chance de sucesso elas terão, permitindo, também, que o exercício termine com indicadores mais favoráveis. Essa última possibilidade seria especialmente importante para que se alcance o ambiente de confiança e tranqüilidade necessário para que o país volte a crescer.

No caso particular da Indústria da Construção Civil, que conheço muito de perto, é fácil observar que o setor ressente-se mais fortemente do que todos os demais, da diminuição do ritmo econômico observada nos últimos meses. Esse é um setor estratégico: o que mais emprega na economia e um dos que participam mais significativamente na formação do PIB – Produto Interno Bruto. Para garantir a empregabilidade nesse setor estratégico, usualmente utilizado como o termômetro de toda a economia, é preciso que sejam tomadas medidas corretivas imediatas, de modo que seus agentes voltem a lançar empreendimentos, que sejam retomados os níveis de vendas e aquecidas as contratações de mão de obra.

Como observação final, gostaria de registrar a minha crença no fato de que o aceno imediato para uma virada vigorosa no panorama econômico, com a conseqüente perspectiva de novo surto de prosperidade e otimismo, representará, secundariamente, um catalisador importante para a indispensável harmonização dos espíritos acirrados pelas eleições e para reconciliá-los em torno de grandes objetivos nacionais. Portanto, fica a sugestão para que as mudanças econômicas comecem já, com medidas práticas e visíveis.
  • COMPARTILHE:

10 comentários para "O "Day After" chegou "

Daniano penafaorte
Daniano penafaorte disse: 29 outubro 2014
De fato a Construção Civil é o termômetro da economia , não podemos deixar esse setor esfriar, os partidos brasileiros tem que ter uma ideia de continuidade e não ficar apontando o que um fez e o outro não fez. Precisamos acelerar e mudar esse jeito pequeno de pensar, onde o que importa e ficar bonito na fita e o outro partido feito , essa busca pelo poder, pelo domínio dos grandes partidos não estão se importando com as consequências desastrosas que causam em nosso país.
Daniano Penaforte
Daniano Penaforte disse: 29 outubro 2014
De fato a Construção Civil é o termômetro da economia , não podemos deixar esse setor esfriar, os partidos brasileiros tem que ter uma ideia de continuidade e não ficar apontando o que um fez e o outro não fez. Precisamos acelerar e mudar esse jeito pequeno de pensar, onde o que importa e ficar bonito na fita e o outro partido feito , essa busca pelo poder, pelo domínio dos grandes partidos não estão se importando com as consequências desastrosas que causam em nosso país.
Daniano Silva
Daniano Silva disse: 29 outubro 2014
De fato a Construção Civil é o termômetro da economia , não podemos deixar esse setor esfriar, os partidos brasileiros tem que ter uma ideia de continuidade e não ficar apontando o que um fez e o outro não fez. Precisamos acelerar e mudar esse jeito pequeno de pensar, onde o que importa e ficar bonito na fita e o outro partido feito , essa busca pelo poder, pelo domínio dos grandes partidos não estão se importando com as consequências desastrosas que causam em nosso país.
andres mendez
andres mendez disse: 29 outubro 2014
Para o nosso pais o exemplo a seguir e o da MRV, atendendo seus clientes e fornecedores como amigos e não apenas pensando no lado comercial
No Brasil a improvisação e falta de planejamento de muitos coloca em risco todo o mercado, devemos estudar como a MRV atua e seguir esse caminho. Ética, profissionalismo, respeito aos contratos, parece simples mas e a chave do sucesso da MRV
Mais do que nunca devemos aprender a planejar e executar Executar tarefas como especialistas no mercado e não apenas como simples atribuições sem responsabilidade
MRV contribui para o desenvolvimento do pais com negócios sustentáveis e isto deve servir de guia a todos que atuamos neste mercado. O sucesso da MRV deve ser do mercado Brasileiro
Andres P Mendez
Andres P Mendez disse: 29 outubro 2014
Para o nosso pais o exemplo a seguir e o da MRV, atendendo seus clientes e fornecedores como amigos e não apenas pensando no lado comercial
No Brasil a improvisação e falta de planejamento de muitos coloca em risco todo o mercado, devemos estudar como a MRV atua e seguir esse caminho. Ética, profissionalismo, respeito aos contratos, parece simples mas e a chave do sucesso da MRV
Mais do que nunca devemos aprender a planejar e executar Executar tarefas como especialistas no mercado e não apenas como simples atribuições sem responsabilidade
MRV contribui para o desenvolvimento do pais com negócios sustentáveis e isto deve servir de guia a todos que atuamos neste mercado. O sucesso da MRV deve ser do mercado Brasileiro
Julio Calluf
Julio Calluf disse: 30 outubro 2014
Acredito nesse modelo emergente aonde a classe economica D e E vem ganhando espaço na econmia, de fato e incontestavel entender que sim a construção civil é o termometro da nova economia e alavancou o País pois a geração de renda com menor exigencia de qualificação proporcionou uma nova migração de emergentes destas categorias. Um novomodelo economico deve ser implantado haja visto que a cadeia produtiva não esta somente lastreada na Construção civil mas no todo, a insegurança de uma eleição apertada aonde a reeleita presidenta de fato se elegeu com 30% dos votos (tirando os nulos e abstenções) tem um enorme desafio além de precisar justificar muitas situações ainda nebulosas.
Rubens Menin
Rubens Menin disse: 08 janeiro 2014
Priscila, obrigado pelas suas participações no blog.
luiz alberto fortes
luiz alberto fortes disse: 31 outubro 2014
Precisamos que a economia seja retomada mas com muita seriedade para que empresas com MRV continuem com seus projetos...\n(...) abraço e sucesso..
solimar de castro bastos
solimar de castro bastos disse: 01 novembro 2014
DEVIAM PARAR DE FAZER CASEBRES E INCENIVAR OS CONDOMÍNIOS DE PREDIOS DE 4 PAVIMENTOS DE APARTAMENTOS POPULARES ASSIM HAVERIA MAIS HUMANIZAÇÃO NAS MORADIAS E A CONVIVENCIA COM VIZINHOS NO MESMO PREDIO, NO MESMO PÁTIO E NA MESMA ESCADA...SOLIMAR - ITAPAGIPE MG
Eleven Sistemas
Eleven Sistemas disse: 14 novembro 2014
É consenso que a Construção Civil regula nossa economia, cabe aos Brasileiros cobrarem do novo governo de 2015, que está por vir, ação. Devemos cobrar ação dos nossos governantes para melhorias para o setor, pois com essa melhora, alavancamos também a economia do nosso país.
José Rabelo
José Rabelo disse: 19 janeiro 2015
Pensar é apenas seguir, raciocinar é juntar dados, e refletir é avaliar o que vale a pena e aplicar.
Eu não me importo com o que os outros pensam sobre o que se façam, mas eu me importo muito com o que eu penso sobre o que eu faço. Isso é bom se ter caráter.
Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo, pois age no avisar os ganhos e é destruidor,em toda Nações.
Onde há fé há amor, onde há amor há paz, onde há paz, há Deus e onde há Deus, nada falta as sabedorias são seus passos,.
Corpo,Alma,e Profissionalismos,são substancias de bons êxitos e de resultado,Deus não Abandona estes Pensamentos por mais que queiram mexerem, em que esta bem,os que não entende tudo fica banal e não pre-aceitável,pois tudo temos por méritos,resultados os justo É...

Deixe uma resposta O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Reforma da Previdência

Publicado em 09 agosto 2017

A Reforma da Previdência voltou a ser o assunto do dia, embora ela nunca tivesse perdido a importância, mesmo quando eclipsada por episódios políticos cobertos pela imprensa com mais sensacionalismo. Na realidade, a nação precisa encarar esse desafio de frente, equilibrar o sistema e garantir a sua perenidade antes que a ruína se torne inevitável.A hesitação dos nossos congressistas e da representação política diante do Projeto de Emenda Constitucional enviado pelo governo para apreciação do...
Leia mais »

Uma Omissão Imperdoável

Publicado em 21 junho 2017

O empresariado brasileiro é composto, em sua grande maioria, por lideranças responsáveis e comprometidas com os princípios da ética e da cidadania que fazem prosperar uma nação. Por isso, seria natural que essa parcela preponderante – isoladamente ou por meio das entidades de classe – se manifestasse em todas as oportunidades em que esse padrão de comportamento deixasse de ser observado em alguma ocasião especial, por qualquer agente importante. No entanto, estamos vivendo uma dessas ocasiões,...
Leia mais »

O Indispensável Estado de Direito

Publicado em 08 junho 2017

Os constituintes de 1988 tiveram o cuidado de destacar na nossa Carta Magna as assim chamadas “cláusulas pétreas”, ou seja, os dispositivos permanentes que não podem ser eliminados ou substancialmente alterados, nem mesmo por Emenda Constitucional, ainda que esta venha a tramitar regularmente no Congresso Nacional. Não inovamos neste aspecto. Pelo contrário, esse cuidado tem sido observado em muitas outras circunstâncias e países. No nosso caso, cuidamos de proteger disposições importantes,...
Leia mais »

Operação Carne Fraca: Lições e Reflexões

Publicado em 20 março 2017

Quando se preparavam para encerrar mais uma semana nesta atribulada temporada, os brasileiros foram surpreendidos pelas notícias de uma mega operação deflagrada pela Polícia Federal e pelo Ministério Público, na última sexta-feira, sob o codinome de “Carne Fraca”. O alcance dessa operação, todos já conhecem: foram mobilizados mais de 1.100 agentes policiais em diversos estados e executados 309 mandados judiciais, incluindo prisões preventivas, prisões temporárias e conduções coercitivas, além...
Leia mais »

Manifestação de Confiança

Publicado em 31 outubro 2016

1 comentários

Ou, trocando em miúdos: "A maior indústria do Brasil passa por seu pior momento, mas existe uma luz no fim do túnel".Este ano de 2016 está sendo particularmente difícil para a indústria da construção civil brasileira. Evidentemente, esse setor não poderia passar ao largo da intensa crise financeira que assola o país, decorrente de um profundo e irresponsável desequilíbrio fiscal e que vem gerando, como conseqüência, recessão, descapitalização, perda generalizada de renda e desemprego. Ninguém...
Leia mais »